terça-feira, 20 de dezembro de 2011

Natal com peru assado, uma antiga tradição



Presente nas mesas durante a celebração do Natal, o peru assado tem o simbolismo da fartura e da abundância o que transformou o jantar da noite de natal em ceia, caracterizando o ritual como expressão simbólica do sucesso frente aos ditames da vida cotidiana ao longo do ano.

Como prato principal, de acordo com as convenções, o peru deve ser assado inteiro e servido em um lugar de honra, ou seja, no centro da mesa de refeição. O assado tem status superior ao peru cozido, isto porque no cozimento a carne conserva seu suco; a carne assada passa por um processo de perda do suco sendo traduzido em abundância. Um processo denota economia, o outro prodigalidade. O assado é aristocrático, o cozido é plebeu.

Aristocrático também era o ritual de trinchar o peru assado e dividi-lo entre os presentes, privilégio apenas do chefe da família. Na distribuição das partes do assado prevalecia uma hierarquia; as melhores partes eram oferecidas aos convidados segundo sua posição social. Ainda no final do século 19 este ritual incluía a arte de amolar a faca. Esta cerimônia de trinchar a carne do peru é cada vez menos usual, mas ainda se mantém na Inglaterra onde o peru chegou vindo das Américas. O peru foi um dos mais belos presentes que o Novo Mundo ofereceu ao velho Continente.

Criados pelos índios, geralmente os astecas cozinhavam o peru acompanhado de cebola, alho-poró e molho à base de pimenta vermelha. Quando se deu o início de contato entre os índios e os espanhóis colonizadores do México em 1518, F. Cortez levou alguns exemplares para a Europa. Ao longo do século 16 a Europa descobriu essa ave um pouco estranha, que foi chamada de Galinha da Índia, já que os espanhóis achavam que tinham chegado às Índias Ocidentais. Logo se constituiu em um prato principal na Inglaterra, onde antes se servia apenas faisões e cisnes na mesa de natal.

No meio rural o peru é considerado o rei da festa recebendo antes do abate um tratamento previamente estabelecido: uma ave nova, no seu tamanho máximo de crescimento, papo amplo, coxa grossa, muita carne de peito e em quantidade suficiente para o número de convidados. Na véspera da ceia de natal o peru passa pelo porre. Despejado em seu bico tragos de cachaça pela goela abaixo, as medidas tem a função de amolecer a carne, afrouxar os músculos e deixá-lo desabar no chão. Daí diretamente para o forno, o assado torna-se o prato principal da ceia de Natal bem brasileira.

segunda-feira, 19 de dezembro de 2011

Natal, tradições portuguesas



Chega o Natal e, animadas com o espírito de confraternização, as pessoas pensam em presentes, enfeites, amigo oculto além das esperadas comidas especiais e tradicionais de Natal. O maior desafio para a ceia é agradar a todos os gostos. Quando reunimos muitas pessoas, cada uma com suas preferências, o cardápio deve ser pensado de forma a satisfazer a todos. Porém, mesmo com paladares diferentes, as comidas tradicionais não podem faltar, já que faz parte do ritual natalino ter uma mesa com perú, bacalhoada, rabanada, panetone e tudo mais.

Uma das comidas tradicionais do natal brasileiro é a Bacalhoada e a Rabanada, uma tradição da Consoada em Portugal celebrada no dia 24 de Dezembro de cada ano, o dia de véspera de Natal. Na tradição católica, os fiéis participam ao final da noite da Missa do Galo mas nos primeiros séculos, as vigílias que celebravam o nascimento de Jesus eram dias de jejum. Os fiéis reuniam-se nas igrejas, rezando e cantando toda a noite.

O jejum significava desprendimento e contemplação do fenômeno religioso. Com o passar dos séculos o jejum foi sendo abolido e substituído pela refeição que continou a ser chamada de Consoada, um termo que surgiu no século 17 quando consistia numa ligeira refeição de peixe. A Consoada só se generalizou quando as pessoas mais abastadas passaram a comer uma refeição após terem assistido à Missa da Vigília do Natal.

A Consoada atual é assinalada na grande maioria das casas portuguesas com a tradicional bacalhoada seguida dos doces que são diferentes de região para região do país. Algumas destas sobremesas são a aletria, as filhoses, as filhó, as rabanadas no norte do país, o arroz doce no sul do país, os sonhos, coscorões, as broas castelar ou as azevias, além do tradicional Bolo-Rei.

A rabanada surgiu do aproveitamento dos pães velhos que eram fatiados, molhados no vinho ou na calda de açúcar, passados nos ovos e fritos em seguida e polvilhadas com canela. Trazido para o Brasil pelos colonizadores portugueses, é chamada também de Fatia de Parida, isso porque as gestantes eram alimentadas com a rabanada para aumentar o leite materno.

Segundo a tradição, a mesa da Consoada não deve ser recolhida e a louça usada não deve ser lavada. Manda também a tradição que o restante da comida permaneça sobre a mesa durante toda a noite, isto em respeito aos mortos da família e para que o Menino Jesus venha comer durante a noite de natal.

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Festa estilo Neon



Inspirada nos Anos 80, mas com um ar bem atual, o tema da Festa Neon é uma boa dica para quem quer uma celebração no estilo balada, com uma decoração diferente e original onde não podem faltar muitas luzes e cores. A festa exige boa iluminação, com luz negra e raios lazer.



O ambiente deve ser decorado com itens em cores fortes e brilhantes, como balões neon com cores cítricas e tecidos coloridos. O detalhe da festa é que ela deve ser feita em um ambiente escuro, do começo ao fim, para que o neon possa brilhar e as músicas devem ser estilo New Age dos anos 80.

Nos convites deve constar a sugestão do traje para os convidados em cores fortes como amarelo, laranja, verde limão e pink e durante a festa os convidados podem receber como brinde colares e pulseiras de neon para entrarem no clima da festa. Perucas que brilham sob a luz negra e tintas fluorescentes para pele podem acrescentar um toque especial à festa.



Balões palito em cores fortes podem ser moldados em diferentes formas para enfeitar as mesas assim como cubos com fibra ótica. Copos e taças com piscas para servir as bebidas também é toque bem original. Os copos são plásticos com pisca embutido na base.

os drinks devem ser bem coloridos, como o curaçao blue. O cardápio pode incluir salgadinhos em palitinhos plásticos coloridos e comidinhas em pequenas verrines com talheres plásticos em diferentes cores. O gelo artificial com pisca é uma novidade que dá um toque especial. Em contato com a bebida o gelo estará piscando durante a festa.



sábado, 10 de dezembro de 2011

Festa Brega, um estilo criativo



Uma divertida mistura de humor e nostalgia compõe o tema Festa Brega, que é propícia para aniversário, despedida de solteiro ou de final de ano. O convite para a Festa Brega deve incentivar os convidados a comparecer vestidos com diferentes tipos de roupas, cabelos, maquiagens e cores vibrantes sem combinar nada. O objetivo é que as pessoas usem roupas fora de moda, combinando estampas diferentes, abusar do xadrez e cores fluorescentes, fazer penteados antigos como dos anos 70 ou usar perucas. Além disso, pode-se distribuir durante a festa adereços como boás, tiaras, gravatas e óculos coloridos.

O brega, antes de tudo, é um gênero musical brasileiro dos anos 70, 80 e de outros anos, como a coletânia Discoteca do Chacrinha, Valdic Soriano, Amado Batista, Falcão, as Frenéticas e outros. Como tudo o que é brega é muito exagerado e cafonérrimo, a decoração é bastante colorida, com flores de papel, fitas metalizadas, cortinas e toalhas de várias cores e estampas. Também pode-se acrescentar antigos discos de vinil dependurados, balões metalizados, girassóis e um globo giratório.

Com poucas mesas e muitas cadeiras, na festa brega o cardápio é variado e remete a sanduiches de mortadela, petiscos no palito, como a mortadela passada no vinagrete, podendo acrescentar ovos de codorna cozidos no palito, vaca atolada, aipim frito com linguiça calabresa, angu a baiana, espetinhos de salsichão. Para sobremesa, gelatinas coloridas, maria mole, doce de abóbora e doces coloridos. Para beber, refrigerantes de marcas desconhecidas, cachaça e tudo que considerar brega como o ponche de frutas. O intuito da Festa Brega é despertar a criatividade que existe em todos nós...



domingo, 27 de novembro de 2011

Etiqueta em velórios




A morte faz parte da vida e é inútil querermos escapar dela, mas ser convidado para cerimônias fúnebres não significa obrigatoriedade de comparecimento. Se nos sentimos muito mal em velórios ou estamos impossibilitados de comparecer, é aceitável enviar flores ao velório e um telegrama à família enlutada com suas condolências.

Quando se vai a um velório, sabe-se de antemão que se está indo prestar homenagem à uma pessoa que morreu e também em consideração aos parentes. Neste momento delicado, ninguém está preocupado em contabilizar presenças e muito menos notar se alguém está vestindo uma roupa da moda, mas é importante estar atento ao modo de vestir.


Com vestir: Deve-se evitar roupas muito esportivas tais como shorts, bermudas, camisetas, bonés, chinelos, mini-saia ou uma calça justa demais. Um vestido esfuziante, transparente ou muito decotado, uma blusinha mostrando a barriga, costas e ombros é algo, no mínimo, deselegante. Cores fortes também são inapropriadas.

Em nossa cultura o preto significa luto e geralmente é recomendável usar preto/branco ou tons pastéis que funcionam em equilíbrio. Em todos os casos é necessário a discrição. Os homens não precisam se apresentar de terno, mas é conveniente que o traje seja social. As mulheres não devem ostentar jóias ou usar roupa com brilhos: guarde-as para festas glamourosas.

Reencontros/conversas: Funerais são oportunidades de reencontros, principalmente daquelas famílias que não se veem há muito tempo, mas essa não é uma oportunidade de demonstrar alegria ao rever parentes. É possível marcar outro dia para que possam compartilhar novidades e colocar o papo em dia. Não queira ser engraçado contando piadas e anedotas, mesmo que a intenção seja descontrair o ambiente. E se ver que alguém quer comandar um programa humorístico durante um velório, afaste-se.

Geralmente as empresas funerárias se encarregam de constar nos obituários locais e cabe à família avisar aos parentes mais próximos. Com tantas providências, é natural que alguém seja esquecido. Mas os enlutados devem ter em mente que funerais são eventos públicos, salvo raríssimas exceções. Por isso, não tente excluir ex-maridos, ex-exposas, filhos de outros casamentos, parentes ou amigos que não são benvindos. Esqueça temporariamente animosidades.

Ofereça ajuda: Funerais demandam grandes despesas, por isso, coloque-se à disposição para prestar alguma ajuda financeira assim a família saberá que poderá contar com alguém nas emergências. Os presentes também devem se colocar à disposição para ajudar as pessoas descontroladas e, se necessário, encaminhá-las para atendimento médico. Saudade dói, consome, incomoda e chorar é natural, mas é necessário abrandar os escândalos e descontroles. 

Cumprimentos: Os cumprimentos às pessoas enlutadas devem ser feitos durante e após o funeral, mas esqueça efusivos abraços e beijos, a não ser para os íntimos. Evite engatar conversas longas com os parentes enlutados perguntando sobre outros parentes vivos; naquele momento só resta à família do falecido prestar-lhe homenagens. Não queira saber porque outros parentes estão ausentes, não faça comentários sobre outras pessoas, não fale de seu problemas. Seja discreto.

Nos cumprimentos diga apenas: Minhas condolências ou Meus sentimentos. Evite querer consolar os enlutados ou fazer comentários: - Isso logo passa!... - Não chore, logo você esquecerá!.. - Tão novo coitado! - Você viu a magnífica coroa de flores que enviei?  E não chore mais do que os parentes para se mostrar solidário; não faça da ocasião um momento para se destacar diante de um público.

Saiba confortar os enlutados para que não entrem em desespero. Se estiver com disposição para ouvir e a pessoa estiver disposta a conversar, pergunte apenas: - Como você está? Você precisa de alguma coisa? Muitas vezes um olhar amigo, uma presença silenciosa ou um abraço sincero dizem muito mais...


 

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Significado de aniversário



Aniversário significa a repetição de um determinado dia e mês no qual ocorreu um evento, algo que se repete todos os anos. Anniversarius vem de annus (ano) e vertere (voltar). É a periocidade de uma celebração importante, por isso o aniversário que celebra mais um ano de vida é comemorado em muitas culturas. Os vários costumes de celebração de aniversários de nascimento têm uma longa história. Suas origens remontam ao domínio da magia e da religião.

Os costumes de dar parabéns, presentear, celebrar com o requinte de velas acesas, nos tempos antigos eram para proteger o aniversariante de demônios e garantir segurança no ano vindouro. Os gregos diziam que cada um tinha um espírito protetor ou gênio inspirador que assistia seu nascimento e vigiava sobre sua vida. Este espírito tinha uma relação mística com o Deus em cujo aniversário o indivíduo nascia. Os romanos também endossavam essa ideia.

O costume de acender velas nos bolos começou com os gregos. Bolos de mel redondos como a lua e iluminados com velas eram colocados nos altares do templo de Ártemis. As velas de aniversário, na crença popular, são dotadas de magia especial para se cumprir desejos. Também na antiguidade, dizia-se que a fumaça das velas levava os desejos e preces dos fiéis até o céu para que fossem atendidas, além de proteger o aniversariante de espíritos ruins e garantir a proteção para o ano vindouro.

Acreditava-se também que as saudações no aniversário tinham poder para o bem ou para o mal, porque a pessoa neste dia, supostamente, estava perto do mundo espiritual. Assim surgiu o costume reunir amigos e parentes para cantar "Parabéns a você".

Soprar as velinhas do bolo tem origem nos rituais cristãos da páscoa quando uma grande vela era acesa representando a ressureição de Cristo ou o renascimento da Luz. E ainda nos rituais pagãos do ciclo anual, quando se inicia na Primavera. Por isso, é costume dizer que o aniversariante está colhendo mais uma primavera. Assim como a natureza, renascemos a cada a ano.


Repartir o bolo de aniversário significa partilhar com os amigos e familiares tudo o que foi construído, indicando um agradecimento por todos aqueles que nos ajudam na construção de nossas vidas. Daí vem o costume de oferecer a primeira fatia do bolo a uma pessoa especial, ou seja, aquela que entre tantas pessoas, é a mais companheira.

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

Profissionais de Alimentos & Bebidas



 
As pessoas buscam na comida não só um fator de sobrevivência mas também de prazer. A gastronomia nasceu desse prazer e constituiu-se como a arte de cozinhar. Mas é nos bastidores, ou seja, nas cozinhas de grandes hotéis, navios, casa de eventos e até nos pequenos estabelecimentos, que estão verdadeiros mestres dessa arte.
 
Mais do que alimentar o corpo, o cozinheiro busca alimentar a alma de seus comensais com muita magia, criatividade e sentimento envolvido em cada prato que chega à mesa. Embora não vejamos essas pessoas nos salões de refeições, existe uma hierarquia de profissionais que cuidam para que cada prato e bebida servidos possam agradar aos mais sofisticados e exigentes paladares.
 
A hierarquia depende do tamanho do restaurante, do fluxo de clientes ou do número de convidados de um evento. Para recepções formais ou informais, o Serviço de Sala dá início aos trabalhos preliminares em parceria com a Governança que pode ser uma atribuição do Maitre e equipe. Muitas vezes as incumbências podem se confundir em muitos detalhes.
 


  • Governança: são aqueles que coordenam a arrumação e limpeza do local, além do material de limpeza, rouparia e estoque de materiais. São atribuições da Governança proceder a higienização e conferência dos móveis, tapetes, banheiros, seleção dos forros, das toalhas e dos guardanapos para as mesas, seleção de uniformes para pessoal de serviço, seleção de pratos, talheres e vasilhames de acordo com o cardápio, reserva de bandejas e tecidos de serviço além de teste do som e iluminação, isso quando não há equipe de som.
  • Gerente Geral ou Chef Executivo: administra o setor de Alimentos e Bebidas de grandes redes de hotéis, caterings e restaurantes de alto nível. O Gerente de restaurante é responsável pela gestão do restaurante como recrutamento e treinamento de pessoal e controle de custo. Em estabelecimentos maiores pode haver um assistente.
  • Maitre ou Maître d’hotel: se origina de Chefe ou Mestre de Hotel em francês. Ele se responsabiliza pelo serviço de salão, treina o pessoal de atendimento, prepara a harmonização conforme o menu elaborado com o chef de cozinha, estuda o lay out do salão e o plano de mesas de acordo com a planta baixa e determina a distribuição das mesas e fluxo do serviço. Normalmente é o primeiro contato com os clientes ou convidados que os encaminham até suas mesas, dá sugestões de pratos e recebe as reclamações dos clientes. A recepção dos clientes e convidados também podem ser atribuídas às Hostess (recepcionistas femininas) ou Hosts (recepcionistas masculinos) que recebem os clientes ou convidados com personalidade.
  • Chef Sommelier ou Chef do Vinho: tem a incumbência de gerenciar a equipe de sommeliers nos grandes estabelecimentos. Em geral o Sommelier ou Chef du Vin gerencia a adega, realiza as compras e organiza as bebidas, bem como prepara a Carta de vinhos para os clientes. É ele que orienta, sugere e serve os vinhos. A categoria de Sommelier se equipara a um Chefe de Setor ou ao Segundo Maitre. O traje do Sommelier é similar ao do Maitre, que em geral usam Smoking em restaurantes de luxo. Em algumas ocasiões, o sommelier pode vestir-se com roupas típicas do evento, mas sempre distinguindo-se do garçon.
  • Barman ou Chef de bar: gerencia o bar e também cria drinks e prepara a carta de drinks. Também fiscaliza o treinamento de auxiliares e todo material utilizado no bar, por exemplo, cuida para que o chope tenha o colarinho preferido pelo cliente além dos cuidados da boa apresentação dos drinks etc.
  • Chefe dos Garçons ou Chef de Salle: é o encarregado da hamonização do ambiente onde serão recebidos os convidados ou clientes e trabalha em conjunto com o Maitre d'hotel. O Garçon de estação ou Chef de Rang é necessário quando o estabelecimento é dividido em seções, sendo responsável por explicar o cardápio e anotar o pedido dos clientes em sua estação. Nos banquetes há sempre um garçon para certo número de convidados. Ele também prepara os pratos ao lado da mesa do cliente nos jantares à inglesa indireto. Conforme o tamanho do restaurante e sua divisão, também é chamado de Chef d’étage.
  • Garçon Demi-Chef de Rang: é aquele que recolhe os pratos entre as sequências do serviço. Se não houver o Débarrasseur, verifica a bebida da mesa e auxilia o chef da estação. 
  • Debarasseur: O Débarasseur é aquele que higieniza os utensílios e monta a estrutura das mesas para os banquetes e serve de apoio ao Garçon de Estação verificando a necessidade de reposição da bebida. Após o banquete, remove os pratos usados e as travessas.
  • Commins ou Commin de Rang: auxilia os garçons, transporta mesas, cadeiras, toalhas, pratos e talheres. É um status abaixo do Demi-Chef de rang. O Serveur é um auxiliar que exerce funções múltiplas também do garçon nos estabelecimentos ou eventos menores.
  • Cambuzeiro: é aquele que prepara o café, chá, chocolate, estoca bebidas e atende aos pedidos do bar. Em alguns hotéis o cambuzeiro é responsável pelas louças do café e dos copos do bar. 
  • Steward: tem a atribuição de limpeza, higienização e organização da louças, talheres, cristais, panelas e utensílios de cozinha segundo os padrões de higiene e segurança alimentar. Também é chamado de cambuzeiro, copeiro ou auxiliar de cozinha.
  • Dame du Vestiaire ou Chapeleiro: recebe no hall de entrada os casacos e outros volumes. É um tipo guarda-volumes que ajuda os clientes na guarda de pertences que poderiam deixá-los incomodados à mesa de jantar. 
  • Voituriers:  É o manobrista, também chamado de Valet, que tem a atribuição de recebre e cuidar do estacionamento dos carros dos clientes ou convidados. 


 
O modelo clássico da cozinha francesa tem uma estrutura formada pelos Chefs de cozinha e o Sub-Chef que comandam os Chef de Parties ou 1º e 2º Cozinheiros e outros. A definição da hierarquia é de grande importância para garantir, controlar e aperfeiçoar a finalização dos pratos.
 
Em geral as cozinhas são divididas em setor frio e setor quente, ou seja, a cozinha onde são preparados os alimentos cozidos e outra onde são preparados os alimentos crus. Em muitos restaurantes um Chef ou Cozinheiro acumula mais de uma função na preparação dos pratos.
 
  • Chef ou Gourmet: é um profissional especializado em gastronomia ou também um cozinheiro ou cozinheira especialista que cuida do refinamento da alimentação, a forma de preparação dos alimentos e na forma de apresentação. É aquele que seleciona produtos de primeira qualidade, está atento aos detalhes de elaboração, tempo de cozimento e temperos, aromas e guarnição que influenciam no resultado final. Também é aquele que dá os últimos retoques finais utilizando de seu talento, imaginação, dedicação. Não se deve confundir a Gastronomia com Nutrição ou Dietética, que estudam os alimentos do ponto de vista da saúde e da medicina.
  • Chef Annonceur ou Chef Aboyeur: é aquele que organiza as comandas, anuncia os pedidos e verifica os pratos antes de serem servidos.
 
Especialistas do Setor Frio da cozinha
  • Chef de Garde: cuida da cozinha no final do expediente e confere o serviço.
  • Chef Garde-Manger: prepara os pratos frios, como entradas, saladas e bufê frios. Em alguns hotéis acumula a gestão de carnes, peixes e também é o responsável pelo estoque de material para preparação e pela câmara fria.
  • Chef Confiseur: prepara as sobremesas.
  • Chef Glacier: prepara os sorvetes, caldas e frutas.
  • Chef Pâtissier ou Confeiteiro: prepara os bolos e tortas salgadas e doces e também pode ser o preparador de sobremesas.
  • Chef Boulanger: padeiro que prepara os pães.
 
Especialistas do Setor Quente da cozinha
  • Chef Entremetier: prepara os acompanhamentos como arroz, batatas, macarrão, risotos, etc.
  • Chef Légumier ou Chef Entremétier: prepara os legumes, vegetais e ovos.
  • Chef Trancheur: recorta, modela e dá forma de apresentação dos legumes.
  • Chef Potager: prepara as sopas.
  • Chef Cocottier: prepara as receitas com ovos.
  • Chef Friturier: prepara as frituras.
  • Chef Tourier: prepara as massas. Também pode acumular a função do Chef Boulanger.
  • Chef Saucier: prepara carnes e molhos quentes.
  • Chef Rôtisseur: prepara os assados e grelhados.
  • Chef Brocheur: prepara alimentos na churrasqueira e/ou cuida do estoque de carnes.
  • Chef Grillardin: prepara os grelhados.
  • Chef Poissonnier: prepara os peixes e frutos do mar.
  • Chef Fournier: prepara os alimentos levados ao forno.
  • Chef Régimier: Nutricionista que prepara dietas especiais.

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Chá de Casa nova



O Chá de Casa nova é uma reunião realizada em situações que envolvem a mudança para um novo lar ou quando há uma reforma radical de um imóvel que justifica a reunião de amigos para celebrar o início de uma nova etapa e também arrecadar utensílios essenciais à casa nova.

Pode ser realizado por um casal que resolveu morar junto, amigas que estão montando um apartamento república ou alguém que decidiu morar sozinho. Em geral, a lista de chá de casa nova inclui, além de utensílios para a cozinha, peças básicas de enxoval como toalhas de banho, lençóis, panos de prato, etc. Porém é importante evitar itens caros como se fosse uma lista de casamento. O Chá de casa nova deve ser uma reunião simples.

Convite

É imprescindível um convite, que pode ser simples informando local com endereço, data e horário. Ao invés de escrever no convite o que cada um deve trazer, como costuma ser feito no Chá de Cozinha e no Chá Bar, você pode montar uma lista e deixar que cada um escolha o que quer comprar. Lembre-se de especificar o modelo, marca e a cor desejada de cada produto. Não é necessário deixar a lista em uma loja específica, pois os convidados podem resolver comprar numa loja virtual, num shopping ou numa loja de fácil acesso no bairro.

Local de realização

O local ideal para a realização do Chá deve ser a nova casa para que todos conheçam o novo lar. Caso não tenha se mudado ainda ou o local seja pequeno para o número de convidados, poderá ser realizado em outro local. No entanto, os convidados devem receber um cartão com seu novo endereço e telefone para que possa fazer uma visita posteriormente.

Cardápio

As opções de cardápio para a reunião podem conter salgadinhos, tortas e canapés, refrigerantes e sucos. Caso seja em um horário compatível, pode ser servido vinho e cerveja. Também pode-se optar por encomendar pizzas que são entregues no momento da festa. Chegam quentinhas e são fáceis de agradar a todos os paladares. Outro tema em moda é organizar um Happy hour em um barzinho com cerveja e alguns petiscos.

Lista de presentes

Cozinha, banheiro e limpeza
  • abridor de garrafa
  • abridor de lata
  • açucareiro
  • afiador de facas
  • assadeira anti-aderente
  • bacias de vários tamanhos
  • baldes de vários tamanhos
  • banqueta escada
  • batedor de ovos
  • cabides
  • capa para máquina de lavar
  • capachos
  • cesta para pão
  • cestos para roupas
  • coador de chá / leite
  • coador de suco
  • colheres de pau
  • colheres e xícaras de medida
  • colher para sorvete
  • concha e escumadeira
  • copos para água
  • copos para refresco
  • cortador de queijo
  • cortador de massas
  • escorredor de arroz
  • escorredor de louças
  • escorredor de macarrão
  • espátula para bolo
  • espremedor de alho
  • espremedor de batatas
  • espremedor manual de frutas
  • facas para cozinha - vários tamanhos
  • fatiador de queijos
  • forma para bolo
  • forminhas para empadas
  • forro para tábua de passar
  • frigideira
  • garrafa térmica
  • jarra para água
  • jogo para condimentos
  • porta copos
  • legumeira para microndas
  • leiteira
  • leiteira para microondas
  • livros de culinária e gastronomia
  • lixeira para banheiro
  • lixeira para cozinha
  • manteigueira
  • pá de lixo
  • pá para bolo
  • pegador de massa
  • peneiras p/m/g
  • pipoqueira para microondas
  • pote hermético
  • potes para uso em microondas
  • potes multi uso
  • pote para mantimentos
  • quebra nozes
  • queijeira
  • ralador
  • relógio de parede
  • rodos
  • rolo de abrir massas
  • saleiro para parede
  • suporte para filtro de café
  • tábua de carne
  • tábua de frios
  • tesoura comum
  • tupperwares
  • vasilhas plásticas
  • vassouras
Enxoval
  • avental
  • cobertor
  • flanelas para limpeza
  • fronhas avulsas
  • jogo americano
  • jogo de cama
  • panos de chão
  • panos de prato
  • pegadores de panelas
  • protetor de colchão
  • protetores de travesseiro
  • tapete antiderrapante p/ box
  • tapetes atoalhados para banheiro
  • toalha de algodão p/ mesa
  • toalha plastificada p/ mesa
  • toalhas de banho
  • toalhas de rosto
  • travesseiros

sábado, 3 de setembro de 2011

Viagem de Lua de Mel



Os preparativos para o casamento são estressantes, por isso a viagem de lua de mel deve ser um momento para marcar o início da nova vida do casal e principalmente para descansar. Em geral, os noivos preferem passar a noite de nupcias em um hotel em sua própria cidade antes da viagem. É necessário conhecer alguns hoteis com antecedência e reservar uma suite que permita ao casal uma noite inesquecível.

No planejamento do casamento é imprescindível definir os gastos com o casamento e com a viagem de lua de mel. Existem muitos roteiros turísticos especialmente adaptados a casais mas é importante que o local escolhido atenda ao gosto dos dois e esteja dentro da disponibilidade financeira. Viagens em época de alta temporada e feriados prolongados podem custar 25% a mais do preço de baixa temporada. É sempre bom reservar algum dinheiro para os imprevistos, incluindo as tentações de comprar algo maravilhoso para trazer de lembrança.

Se o casal é inovador, invista nas "Cotas da Lua de mel" ou "Presentes virtuais" ao invés de passar a gravata na festa de casamento, algo que além de deselegante se torna constrangedor aos convidados. Existem alguns sites que criam páginas para os noivos, onde os convidados escolhem e pagam um presente. Existem opções de presentes de valores diversos e os noivos não recebem o presente escolhido, mas recebem o valor do presente. Além de facilitar para quem quer presentear, permite que os noivos possam direcionar os valores para uma viagem. Veja alguns exemplos nos sites abaixo:

http://www.icasei.com.br/
http://www.cvc.com.br/listaPresentes

A viagem de lua de mel é a primeira de muitas outras que o casal irá realizar, portanto deve ser uma viagem que traga satisfação e não uma cansativa maratona. Outro detalhe ao escolher o local, deve ser as condições climáticas e os costumes do casal. Alguns locais são lindos mas não oferecem infra-estrutura suficiente ao gosto de algumas pessoas. Escolher uma praia em época de chuvas é certeza de frustração. As condições climáticas também irão influir nas roupas a levar.

Ao escolher uma agência de turismo, procure informações a respeito da empresa através de pessoas que já viajaram com ela. É importante checar os horários de partida e duração de viagem. Também deve-se constar por escrito o que está incluído no pacote, como traslados, alimentação, passeios, seguro viagem e outros programas. Nem sempre o menor preço é garantia de bom atendimento.

O local escolhido muitas vezes demanda documentos especiais, como por exemplo, para uma viagem ao exterior é necessário providenciar com antecedência passaportes. Para alguns locais é necessário tomar vacina com antecedência de 12 dias, por exemplo uma viagem para a Amazonia, Goiás, nordeste. Informar-se com antencedência sobre o local através de mapas e pessoas que conheçam o local, é prevenir-se para não ficarem completamente perdidos.



quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Etiqueta social para animais de estimação




Para que a vida em sociedade seja tranquila e harmoniosa, devemos fazer a nossa parte respeitando o espaço dos outros e isso inclui evitar situações de constrangimento. Há quem ame muito os cachorros e gatos, gostando de tê-los nos braços lambendo seu rosto. Mas há também aqueles que, apesar de gostar de animais, preferem mantê-los à distância. Por isso, é necessário estarmos atentos a algumas regras de etiqueta.

Recebendo visitas: Quem tem um animal de estimação deve saber educá-lo, além de adotar algumas regras de boa educação. Nada é mais incômodo e constrangeador do que um cão ou gato que gosta de fazer festa para suas visitas, além de pular no colo ou lamber a perna de quem chega.

E não adianta dizer que o animal é mansinho; os animais são muito imprevisíveis e podem cismar de atacar e morder. A melhor atitude é ter um local para prendê-lo até a saída das visitas. Gatos não gostam de visitas, não toleram mudanças. Eles gostam da segurança e do silêncio do lar.

Animais em apartamentos: Escolher o animal que vai morar em um apartamento exige, antes de tudo, bom senso. Por isso, é melhor evitar animais grandes e barulhentos. Lembre-se de que ter um cão é opção apenas sua; seus vizinhos não são obrigados a arcar com as consequências de suas escolhas.

Se você mora em um condomínio deve perceber que ninguém é obrigado a tolerar os latidos de seu cão provenientes do seu apartamento. Se for viajar ou ficar muito tempo fora de casa, não deixe o animal trancado no apartamento. Os animais sentem sua falta e podem uivar a noite inteira ou tentar fugir, mesmo que ele tenha de quebrar uma janela.

Limpeza: Outra questão é a limpeza. Ambientes que abrigam animais tendem a exalar odor desagradável. Esteja ciente disso, pois mesmo que você se acostume com o cheiro, os vizinhos podem se sentir incomodados.

Tenha sempre um local com jornal para que o cachorro se acostume a fazer suas necessidades naquele local. Para os gatos tenha um caixa de areia que deve ser trocada constantemente para evitar mal cheiro. A caixa com areia feita de argila em flocos é a invenção mais maravilhosa para donos de gatos.

Uso de elevador: Evite usar o elevador social junto com seu cão. Se houver, utilize o elevador de serviço, senão, utilize as escadas. Respeite também o hall de entrada, saída e de circulação. Animais de estimação devem ser mantidos dentro do apartamento e não devem ser relegados ao corredor, mesmo em prédios com apenas uma unidade por andar, pois ainda assim é considerada área de uso comum.

Passeios: Lugar de passeio é na rua e nas praças, não é sobre os jardins, nem na garagem e nem no plauground. Animais podem transmitir doenças, principalmente através de um inocente xixi. O playground é um lugar para crianças, não para cachorros e gatos. Outra regra importante é saber levar seu cão para passear; se vai à rua, leve-o preso numa coleira.

Cachorros só devem andar na rua junto com quem sabe dominá-lo, mesmo preso na coleira. Em algumas cidades, raças consideradas perigosas, como rottweilers, pitbulls, dobermans e filas brasileiros devem usar focinheiras, mas essa obrigatoriedade deve se estender também para dentro do condomínio. E mesmo que seja um animal de pequeno porte, caso o animal demonstre agressividade contra pessoas ou outros bichos, deve-se considerar a possibilidade de usar a focinheira, independentemente do seu porte.

Se você conhece a agressividade do seu animal, não a exponha a outros pois podem causar danos irreparáveis. Seu cachorro pode ser bonzinho e manso com você, mas nunca saberá quando ele poderá atacar alguém, mesmo que seja treinado. Os cães tem motivos diversos para atacar pessoas e outros animais, mesmo que não seja seu comportamento de rotina. Outro pormenor, é ter sempre um saquinho plástico para recolher os dejetos de seu animal. Isso mostra o quanto você está preparado para viver na sociedade.

Prevenção de doenças: Animais estão sujeitos a doenças e devem ser tratados para preveni-las. As vacinas são uma dessas prevenções, por isso mantenha a vacinação em dia e mantenha a caderneta de vacinação à disposição para ser averiguada quando necessário.

Nem é preciso dizer que animais exóticos como iguanas, aranhas e cobras podem ser incompatíveis com a vida em condomínio. Além do perigo deles ultrapassarem para outra unidade, não é o tipo de habitat desejável. São animais que precisam de quintais, conviver com plantas e natureza. Quem gosta de animais, deve preservá-los de desconforto e maus tratos.


quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Etiqueta é uma questão de atitude



Existem situações constrangedoras que popularmente chamamos de "saia justa". São ocasiões que você fica na dúvida: não sabe se ignora ou se deseja tornar-se invisível. E há pessoas que simplesmente não percebem que estão sendo inconvenientes. Etiqueta, boas maneiras, respeito, tudo é uma questão de atitude. Todo mundo pode ter, basta querer.

Não se deve visitar alguém sem avisar antes e perguntar se é possível receber você. Isso porque a pessoa pode ter
compromissos ou simplesmente estar indisposta. Visitas demandam atenção e logicamente você não gostaria de ser dispensado no portão. E é justamente o que se deve fazer quando alguém chega em sua casa sem avisar. Seja elegante, explique que não poderá receber visitas porque tem um compromisso e marque outro dia.

Você marca um almoço de negócios, as coisas caminham bem até que aparece aquele conhecido que nada tem a ver com
o negócio, senta-se à mesa sem ser convidado e não percebe que está atrapalhando a conversação. O que fazer? Seja objetivo: explique que está com outras pessoas por questões profissionais. Seja elegante: marque outro momento para estarem juntos quando poderão conversar mais animadamente.

Nunca se deve levar outras pessoas a tiracolo para uma recepção ou para um jantar na casa de amigos. O que fazer: pergunte antes se não há problema em levar um acompanhante. Se você é o anfitrião pode concordar se for possível, mas se a reunião tiver objetivos específicos para conversar sobre projetos comuns entre amigos, não se obrigue a compartilhar.


Etiqueta não é uma questão de frescura, ao contrário, é um facilitador das relações, tanto sociais quanto profissionais.
Elegante é quem sabe se portar adequadamente em qualquer situação. É quem respeita o espaço dos outros; uma questão de atitude.

sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Snack break



Snack breaks são intervalos mais curtos do que intervalos para refeição, somente para permitir um cafezinho rápido, tomar água ou ir ao banheiro. São usados durante palestras de curta duração e também na rotina das empresas. Alguns empregadores permitem que os seus colaboradores possam parar seu trabalho por breves períodos para espairecer.

Conforme pesquisas, esses pequenos intervalos previnem o estresse no trabalho, no entanto, mundialmente as empresas estão proibindo o Snack breaks que tenha objetivo de pausa para fumar, pois a maioria das empresas proibem fumar em local fechado, além de que muitas empresas estão evitando manter em seus quadros as pessoas que fumam.

Nos eventos, ao preparar os snack breaks deve-se emitir um aviso com antecedência do tempo de duração dos mesmos, evitando que as pessoas possam extrapolar o tempo previsto e causar atraso ao evento.

Brunch



O Brunch é uma refeição que combina o café da manhã "Breakfast" com o almoço "Lunch". Normalmente utilizado para reuniões entre 10 e 12 horas, é mais apropriada quando já não é adequado servir apenas o café da manhã e ainda é muito cedo para servir o almoço. É apropriado para servir em ocasiões como Batizados e Primeira Comunhão, que em geral acontecem pela manhã, como também em casamentos, aniversários e qualquer outra reunião matinal.

O cardápio do Brunch é variado e pode acrescentar além do café, chá, leite também sucos de frutas, refrigerantes e água.
Não é necessário bebidas alcoólicas, a não ser quando o Brunch irá se prolongar. Bolos, pães, biscoitos variados, geléia, patês, pães de queijo, tortas doces e salgadas, salgadinhos, carnes frias fatiadas, frios e queijos fatiados, frutas frescas ou salada de frutas e compota de doces, são algumas das sugestões que valorizam a refeição e pode ser posta a mesa com antecedência permitindo que os anfitriões possam aproveitar mais da companhia de seus convidados. No caso de um casamento ou uma celebração que se estenderá com a sobremesa de um bolo confeitado, pode-se servir champagne ou vinho branco.

Cada um se serve, por isso pratinhos, talheres e copos devem estar disponíveis. Por ser prático, pode ser servido também apenas com guardanapos e nesse caso não é necessário mesa para todos, apenas cadeiras e um aparador para copos. Pela característica, não é necessário serviço de garçons, apenas um cozinheiro para repor as bandejas e um auxiliar para recolher copos e manter a organização da mesa. Se houver mesas para os convidados, os arranjos de flores das mesas devem ser baixos para não atrapalhar a conversação dos integrantes da mesa além de que arranjos suntuosos não são indicados para reuniões nesse horário.

Dependendo do ambiente, pode-se escolher um cantor ou um instrumentista musical para criar um ambiente íntimo e aconhegante.
Um Brunch servido em um sítio ou em qualquer área campestre exige uma decoração com visual rústico e harmonioso, com forros coloridos. As lembrancinhas de eventos em sítios podem vir em materiais rústicos, com tirinhas de ráfia ou outro material natural.

Coffee break



O Coffee break é uma pausa para um lanche ou café, geralmente utilizado nas reuniões, workshops e também se refere a uma pausa para que um empregado possa descansar, ir ao banheiro e ter um intervalo entre as tarefas do dia. Em geral os intervalos nos cursos e palestras podem variar de 20 a 30 minutos.

Em atividades com duração maior que 8 horas,
prevê-se 2 intervalos durante a jornada além do almoço. Algumas empresas tem adotado o Coffee break corporativo em um dia da semana, pela manhã ou à tarde, para propiciar integração de equipes de trabalho.

O cardápio de um Coffee break pode conter chá, café, leite, suco de frutas, biscoitos, pequenos sanduiches, pão de queijo, salgadinhos etc. Cada um se serve e o usual é disponibilizar apenas copos, xícaras, pratinhos e guardanapos. Isso possibilita também a integração dos participantes. Pela característica, não é necessário garçons, apenas um cozinheiro para repor as bandejas e um auxiliar para recolher os copos e manter a organização da mesa.


Breakfast



O Breakfast, como o próprio nome diz, é uma quebra de jejum pela manhã. A primeira refeição, depois de uma noite de sono e prevê uma alimentação que permita aguardar o horário do almoço. Especialistas em nutrição dizem que a primeira refeição é a mais importante do dia, citando estudos que poderiam comprovar que a falta do café da manhã podem causar problemas de concentração, alteração do metabolismo e peso.

Os alimentos do breakfast variam muito de um lugar para outro no mundo. Alguns lugares tem o hábito de incluir um hidrato de carbono, tais como grãos , frutas e vegetais, proteínas, laticínios e bebidas como o café, chá, sucos, cereais , salsichas, ovos, bacon, pães, feijão cozido, bolos, torradas, cremes, geléia etc. São exemplos comuns de alimentos, embora uma grande variedade de preparações e ingredientes estão associados com café da manhã todo o mundo.

O Café da manhã ou Breakfast servido nos hotéis geralmente tem uma grande variedade de alimentos. Nos eventos corporativos, que iniciam muito cedo, é um momento de descontração e serve de estratégia para preparar os participantes para uma jornada de palestras, seminários etc. É um momento em que se pode fazer apresentações e descontrair a turma, porém não se deve aproveitar o momento para distribuir material ou antecipar os assuntos do dia.


domingo, 7 de agosto de 2011

Celebrações



As celebrações fazem parte das culturas desde a antiguidade, sendo distinguidas apenas pelas cerimônias que as caracterizam: religiosa, política, educacional, militar, familiar, científica, didática e pedagógica. O ser humano é naturalmente celebrativo e as pessoas apreciam reunir para celebrar aniversários, vitórias esportivas, formaturas, batizados, casamentos etc.

O calendário anual está repleto de datas comemorativas. As celebrações são necessárias à manutenção da sociedade porque toda celebração tem um componente ancestral que reconcilia mitologicamente as pessoas de uma época consigo mesmas e com seus semelhantes, com os ciclos, com os elementos e com os demais seres viventes.

As memórias e os princípios orientadores de uma sociedade são ritualizados com datas e manifestações. Também supõe um instrumento para fazer com que desejos individuais se tornem opções coletivas, que abram espaço para projetos conjuntos de futuro. Desde o ponto de vista social e antropológico, celebrar contribui para reforçar laços e durante o ano, são inúmeras as oportunidades para nos reunirmos com as pessoas. Isso abre um leque de opções para os gestores de eventos.

JANEIRO
* 1 - Dia Mundial da Paz
* 4 - Dia da Tipografia no Brasil / Dia nacional da Abreugrafia
* 6 - Dia da Astrologia / Dia de Reis / Dia da Gratidão
* 7 - Dia da Liberdade de Culto / Dia do leitor
* 8 - Dia Nacional do Fotógrafo
* 9 - Dia do Astronauta / Dia do Fico
* 12 - Aniversário de Belém
* 14 - Dia do Enfermo
* 15 - Dia de Oxalá / Dia do Compositor
* 17 - Dia dos Tribunais de Contas do Brasil
* 20 - Dia do Farmacêutico / Dia nacional do Fusca
* 21 - Dia Mundial da Religião
* 24 - Dia da Previdência Social
* 25 - Dia do Carteiro / Aniversário de São Paulo
* 28 - Dia da Abertura dos Portos no Brasil
* 30 - Dia da Saudade / Dia Nacional da Revista em Quadrinhos
* 31 - Dia Mundial do Mágico

FEVEREIRO

* Carnaval (data móvel)
* Semana Contra o Alcoolismo
* 1 - Dia do Publicitário
* 2 - Dia de Iemanjá / Aniversário de Macapá
* 5 - Dia do Dactiloscopista
* 7 - Dia Nacional do Gráfico
* 9 - Dia da Invenção do Voleibol
* 10 - Dia do Atleta Profissional
* 11 - Aniversário da Criação da Casa da Moeda do Brasil
* 11 - Dia do Zelador / Dia Mundial do Enfermo
* 14 - Dia de São Valentim
* 16 - Dia do Repórter
* 19 - Dia do Esportista /Dia do Imigrante italiano
* 23 - Dia Nacional do Rotary
* 26 - Dia do Comediante
* 27 - Dia Nacional do Livro Didático

MARÇO
* 1 - Aniversário da Cidade do Rio de Janeiro
* 2 - Dia Nacional do Turismo
* 5 - Dia do Filatelista Brasileiro
* 7 - Dia Mundial da Oração / Dia do Fuzileiro Naval
* 8 - Dia Internacional da Mulher
* 10 - Dia do Telefone
* 12 - Dia do Bibliotecário / Aniversário de Recife
* 14 - Dia do Vendedor de Livros / Dia Nacional da Poesia
* 15 - Dia da Escola / Dia Mundial dos Direitos do Consumidor
* 15 - Ano Novo israelita em 2011
* 17 - Dia do Carpinteiro e do Marcineiro / Aniversário de Aracaju
* 21 - Dia da Eliminação da Discriminação Racial
* 22 - Dia Mundial da Água
* 23 - Dia Mundial do Meteorologista / Aniversário de Florianópolis
* 24 - Dia Mundial de Combate à Tuberculose
* 25 - Dia da Constituição Política do Brasil
* 26 - Dia do Cacu / Aniversário de Porto Alegre
* 27 - Dia do Circo / Dia do Teatro
* 28 - Dia do Revisor e do Diagramador
* 29 - Aniversário de Curitiba
* 31 - Aniversário do Golpe Militar

ABRIL
* Páscoa (data móvel)
* 1 - Dia da Mentira
* 2 - Dia Internacional do Livro Infantil
* 3 - Dia do Atuário
* 4 - Dia do Parkinsoniano
* 7 - Dia do Jornalismo / Dia do Corretor
* 7 - Dia Mundial da Saúde / Dia do Médico Legista
* 8 - Dia da Natação / Aniversário de Cuiabá
* 8 - Dia do Desbravador / Dia Mundial de Combate ao Câncer
* 10 - Dia da Engenharia
* 12 - Dia do Médico Obstreta / Aniversário de Fortaleza
* 13 - Dia do Beijo / Dia do Jovem / Dia do Hino Nacional Brasileiro
* 14 - Dia Internacional do Café
* 15 - Dia da Conservação do Solo / Dia Mundial do Desenhista
* 16 - Dia Nacional da Voz
* 17 - Dia Nacional de Luta Pela Reforma Agrária
* 18 - Dia Mundial do Rádio Amador / Dia Nacional do Livro Infantil
* 19 - Dia de Santo Expedito / Dia do Exército Brasileiro / Dia do Índio
* 20- Dia do Diplomata
* 21 - Dia das Polícias / Dia do Metalúrgico
* 21 - Dia de Tiradentes / Aniversário de Brasília
* 22 - Dia da Força Aérea Brasileira
* 22 - Dia do Descobrimento do Brasil / Dia Internacional do Planeta Terra
* 23 - Dia Mundial do Escoteiro / Dia Mundial do Livro / Dia Nacional do Choro
* 25 - Dia do Contabilista
* 26 - Dia da Primeira Missa / Dia do Goleiro
* 26 - Dia Nacional de Prevenção e Combate a Hipertensão
* 27 - Dia da Empregada Doméstica / Dia do Engraxate
* 28 - Dia da Educação / Dia da Sogra
* 28 - Dia Nacional da Caatinga
* 30 - Dia do Ferroviário / Dia Nacional da Mulher

MAIO
* Dia das Mães (segundo domingo de maio)
* 1 - Dia Mundial do Trabalho
* 2 - Dia Nacional do Ex-Combatente da FEB
* 3 - Dia do Legislador / Dia do Parlamento
* 3 - Dia do Sertanejo / Dia do Sol
* 3 - Dia do Taquígrafo / Dia Mundial da Liberdade de Imprensa
* 5 - Dia de Rondon / Dia do Campo
* 5 - Dia do Expedicionário / Dia Nacional e Internacional das Comunicações
* 6 - Dia do Cartógrafo
* 7 - Dia do Oftalmologista / Dia do Silêncio
* 8 - Dia da Vitória / Dia do Artista Plástico / Dia do Pintor
* 8 - Dia do Profissional de Marketing / Dia Internacional da Cruz Vermelha
* 10 - Dia do Cozinheiro / Dia do Guia de Turismo
* 12 - Dia Internacional da Enfermagem
* 13 - Dia do Automóvel / Dia do Zootecnista
* 13 - Dia da Abolição da Escravatura / Dia Nossa Senhora de Fátima
* 14 - Dia do Seguro
* 15 - Dia do Assistente Social / Dia Internacional das Famílias
* 16 - Dia do Gari
* 17 - Dia Internacional das Telecomunicações
* 18 - Dia das Raças Indígenas da América / Dia dos Vidreiros
* 18 - Dia Mundial dos Museus / Dia Nacional de Combate a Abuso de Crianças
* 19 - Dia Mundial de Combate a Hepatite
* 20 - Aniversário de Palmas
* 21 - Dia da Língua Nacional
* 22 - Dia de Santa Rita de Cássia / Dia do Apicultor
* 24 - Dia do Vestibulando
* 25 - Dia da Indústria / Dia do Trabalhador Rural / Dia Nacional da Adoção
* 27 - Dia do Profissional Liberal
* 29 - Aniversário do IBGE / Dia do Estatístico / Dia do Geógrafo
* 30 - Dia do Geólogo
* 31 - Dia da Aeromoça

JUNHO
* Corpus Christi (data móvel)
* Festas Juninas
* 1 - Dia Internacional da Criança / Dia Nacional da Imprensa
* 3 - Dia do Administrador de Pessoal
* 4 - Dia Internacional das Crianças Vítimas de Agressão
* 5 - Dia Mundial do Meio Ambiente e da Ecologia
* 7 - Dia Nacional da Liberdade de Imprensa
* 8 - Dia do Citricultor / Dia Mundial dos Oceanos
* 9 - Dia da Imunização / Dia do Porteiro / Dia Nacional de Anchieta
* 10 - Dia da Língua Portuguesa / Dia do Pastor
* 11 - Dia da Marinha Brasileira / Dia do Educador Sanitário
* 12 - Dia do Correio Aéreo Nacional / Dia dos Namorados
* 13 - Dia de Santo Antônio / Dia do Turista
* 15 - Dia do Paleontólogo
* 18 - Dia do Químico / Dia Nacional da Imigração Japonesa
* 19 - Dia do Migrante
* 20 - Dia do Revendedor
* 21 - Dia da Mídia / Dia da Música / Início do Inverno
* 22 - Dia do Aeroviário / Dia do Orquidófilo
* 23 - Dia Olímpico
* 24 - Dia de São João / Dia do Cabloco / Dia Mundial do Disco Voador
* 25 - Dia do Imigrante
* 26 - Dia do Metrologista / Dia Internacional do Combate às Drogas
* 29 - Dia da Telefonista/Dia de São Pedro / Dia do Pescador

JULHO
* 1 - Dia da Vacina
* 2 - Dia do Bombeiro / Dia do Hospital
* 8 - Dia de Santa Isabel / Dia do Padeiro / Dia Nacional da Ciência
* 9 - Dia da Revolucao Constitucionalista / Dia do Protético
* 10 - Dia da Pizza / Dia do Truco
* 11 - Dia Mundial da População
* 12 - Dia do Engenheiro Florestal
* 13 - Dia Mundial do Rock / Dia do Engenheiro Sanitarista
* 16 - Dia do Comerciante
* 17 - Dia de Proteção às Florestas
* 18 - Dia do Trovador / Dia Mundial dos Veteranos de Guerra
* 19 - Dia da Caridade / Dia Nacional do Futebol
* 20 - Chegada do Homem a Lua / Aniversário de Santos Dumont
* 20 - Dia Internacional do Amigo e da Amizade
* 22 - Dia do Cantor Lírico
* 23 - Dia do Guarda Rodoviario
* 25 - Dia do Colono / Dia do Escritor / Dia do Motorista / Dia do Produtor Rural
* 26 - Dia da Vovó
* 27 - Dia do Despachante / Dia do Motociclista / Dia do Pediatra
* 28 - Dia da Morte de Lampião / Dia do Agricultor
* 30 - Dia da Libertação Indígena

AGOSTO
* Dia dos Pais
* 1 - Dia do Cerealista / Dia do Selo Postal Brasileiro
* 1 - Dia Mundial da Amamentação
* 3 - Dia do Capoeirista / Dia do Tintureiro
* 4 - Dia da Morte de Anita Garibaldi / Dia do Padre
* 5 - Dia Nacional da Saúde
* 8 - Dia do Balonismo
* 9 - Dia Internacional das Populações Indígenas
* 10 - Dia Mundial da Solidariedade Cristã
* 11 - Dia da Consciência Nacional / Dia da Logosofia
* 11 - Dia da Pintura / Dia da Televisão / Dia do Advogado
* 11 - Dia do Estudante / Dia do Garçom
* 12 - Dia do Cortador de Cana / Dia Nacional da Juventude
* 12 - Dia Nacional das Artes
* 13 - Dia do Azar / Dia do Economista
* 13 - Dia dos Encarcerados / Dia Mundial do Canhoto
* 14 - Dia da Unidade Humana / Dia do Combate à Poluição / Dia do Protesto
* 15 - Dia da Assunção de Nossa Senhora / Dia da Informática
* 15 - Dia do Solteiro / Dia Nacional das Santas Casas de Misericórdia
* 16 - Aniversário de Teresina
* 17 - Dia do Patrimônio Histórico
* 19 - Dia do Ator / Dia Mundial da Fotografia
* 19 - Dia Nacional da Aviação Agrícola
* 20 - Dia do Vizinho /
* 21 - Dia da Habitação
* 22 - Dia do Folclore / Dia do Supervisor Educacional
* 23 - Dia do Aviador Naval
* 26 - Dia do Catequista / Aniversário de Campo Grande
* 27 - Dia do Corretor de Imóveis / Dia do Peão de Boiadeiro / Dia do Psicólogo
* 28 - Dia da Avicultura / Dia do Bancário
* 28 - Dia do Filósofo / Dia Nacional do Voluntariado
* 29 - Dia Nacional de Combate ao Fumo
* 31 - Dia do Nutricionista

SETEMBRO
* 1 - Dia do Professor de Educação Física
* 2 - Dia do Repórter Fotográfico
* 3 - Dia das Organizações Populares / Dia do Biólogo / Dia do Guarda Civil
* 5 - Dia da Amazônia / Dia do Oficial de Farmácia / Dia do Oficial de Justiça
* 6 - Dia do Alfaiate / Dia do Barbeiro e do Cabeleireiro
* 7 - Dia da Independência do Brasil / Dia da Pátria
* 8 - Aniversário de São Luís / Dia do Aniversário de Vitória
* 8 - Dia Mundial da Alfabetização / Dia Nacional de Luta por Medicamentos
* 9 - Dia do Administrador de Empresas / Dia do Médico Veterinário
* 11 - Dia Nacional do Cerrado
* 14 - Dia da Cruz / Dia do Frevo
* 16 - Dia Internacional de Proteção à Camada de Ozônio
* 17 - Dia da Compreensão Mundial
* 17 - Dia Nacional do Transportador Rodoviário de Carga
* 18 - Dia dos Símbolos Nacionais
* 19 - Dia de São Geraldo / Dia do Comprador / Dia do Ortopedista
* 21 - Dia da Árvore / Dia do Fazendeiro / Dia do Rádio e do Radialista
* 21 - Dia Nacional de Luta dos Portadores de Deficiência / Dia da Paz
* 22 - Dia da Banana / Dia da Juventude no Brasil / Dia do Amante
* 22 - Dia do Contador / Dia do Técnico Agropecuário
* 23 - Dia do Soldador / Dia do Sorvete
* 25 - Dia Nacional do Trânsito
* 26 - Dia Internacional de Relações Públicas / Dia Mundial do Coração
* 27 - Dia da Música Popular Brasileira / Dia de São Cosme e São Damião
* 27 - Dia do Ancião (Idoso) / Dia do Cantor / Dia do Encanador
* 27 - Dia Mundial do Turismo / Dia Nacional dos Doadores de Orgãos
* 28 - Dia da Lei do Ventre Livre (sancionada em 1871) / Dia da Mãe Preta
* 29 - Dia do Anunciante / Dia Mundial do Petróleo
* 30 - Dia da Bíblia Católica / Dia da Navegação
* 30 - Dia da Secretária / Dia do Jornaleiro / Dia Mundial do Tradutor

OUTUBRO
* 1 - Dia de Santa Teresinha / Dia Nacional do Vereador
* 1 - Dia Internacional do idoso
* 4 - Dia de São Francisco de Assis / Dia dos Animais
* 5 - Dia da Promulgação da Atual Constituição Brasileira
* 7 - Dia do Perdão - Yom Kipur (festa móvel)
* 9 - Dia do Açougueiro / Dia Mundial dos Correios
* 10 - Dia do Empresário Brasileiro / Dia do Lions Internacional
* 10 - Dia Mundial da Saúde Mental
* 11 - Dia Nacional da Pessoa Portadora de Deficiência Física
* 12 - Dia das Crianças / Dia de Nossa Senhora Aparecida
* 12 - Dia do Descobrimento da América / Dia do Engenheiro Agronomo
* 13 - Dia do Fisioterapeuta
* 14 - Dia Nacional da Pecuária
* 15 - Dia do Educador Ambiental / Dia do Professor
* 16 - Dia da Ciência e da Tecnologia / Dia Mundial da Alimentação
* 16 - Dia Mundial do Pão / Dia Nacional de Vacinação
* 17 - Dia do Eletricista
* 18 - Dia de São Lucas / Dia do Estivador / Dia do Médico
* 18 - Dia do Pintor (de Parede, de Carro)
* 19 - Dia do Profissional de Informática
* 20 - Dia do Arquivista / Dia do Controlador de Tráfego Aéreo
* 20 - Dia Mundial das Missões
* 22 - Dia do Pára-Quedista
* 23 - Dia do Aviador
* 24 - Dia da ONU
* 25 - Dia da Democracia / Dia do Dentista / Dia do Macarrão / Dia do Sapateiro
* 28 - Dia de São Judas Tadeu / Dia do Funcionário Público
* 29 - Dia Nacional do Livro
* 30 - Dia do Balconista / Dia do Comércio
* 31 - Dia das Bruxas / Dia Mundial do Comissário de Vôo

NOVEMBRO
* 1 - Dia de Todos os Santos
* 2 - Dia de Finados
* 4 - Dia do Inventor
* 5 - Dia do Cinema Brasileiro / Dia do Radioamador
* 5 - Dia Nacional da Cultura Brasileira
* 8 - Dia do Radiologista / Dia Mundial do Urbanismo
* 9 - Dia do Manequim
* 14 - Dia do Bandeirante
* 15 - Dia da Proclamação da República
* 19 - Dia da Bandeira
* 20 - Dia Nacional da Consciência Negra
* 21 - Dia do Homeopata
* 22 - Dia de Santa Cecília - padroeira dos músicos / Dia do Músico
* 25 - Dia Nacional do Doador de Sangue
* 26 - Dia do Ministério Público
* 30 - Dia da Reforma Agrária / Dia do Teólogo
* Dia Mundial de Ação de Graças (4a. quinta-feira de novembro)

DEZEMBRO
* 1 - Dia do Numismata / Dia Mundial de Prevenção contra a Aids
* 2 - Dia Nacional da Astronomia / Dia Nacional das Relações Públicas
* 2 - Dia Nacional do Samba / Dia Panamericano da Saúde
* 3 - Dia Internacional do Deficiente Físico
* 4 - Dia do Orientador Educacional / Dia do Perito Criminal Oficial
* 4 - Dia Mundial da Propaganda
* 5 - Aniversário de Maceió / Dia Internacional do Voluntariado
* 8 - Dia da Família / Dia do Cronista Esportivo
* 9 - Dia do Fonoaudiólogo
* 10 - Dia da Declaração Universal dos Direitos do Homem / Dia do Palhaço
* 11 - Dia do Arquiteto / Dia do Engenheiro / Dia do Tango
* 12 - Dia da Bíblia / Aniversário de Belo Horizonte
* 13 - Dia do Marinheiro / Dia do Pedreiro
* 13 - Dia Nacional do Cego - Dia de Santa Lucia/Santa Luzia
* 15 - Dia do Jardineiro
* 20 - Dia do Mecânico
* 21 - Dia do atleta
* 23 - Dia do Vizinho
* 24 - Dia do Órfão
* 25 - Dia de Natal
* 28 - Aniversário de Rio Branco / Dia do Salva-Vidas
* 31 - Dia de São Silvestre - Corrida de São Silvestre / Reveillon

terça-feira, 2 de agosto de 2011

Etiqueta virtual


A tecnologia faz o mundo pequeno e as boas maneiras também devem estar presentes na internet e nas redes sociais. Por isso é importante notar que mesmo uma presença virtual implica numa educação real. Se suas postagens são públicas, não faça nada que não faria à vista dos outros, não publique fotos ou argumentações comprometedoras e evite qualquer tipo de informação pessoal que possa ser usada deliberadamente contra você.

Os assuntos privados como discussões entre amigos ou namorados devem estar reservados para ocasiões próprias. Não
existe nada pior do que discussões a frente de outras pessoas e além disso, terceiros que não conhecem toda a sua história podem intrometer-se ou julgar de forma errônea. Por isso, os recados que se publica no Facebook, orkut e outros deve merecer atenção especial.

Quando a intenção é resolver problemas, opte pela conversa olhos nos olhos e
esqueça as novas tecnologias. Também evite qualquer crítica e fofoca através da internet, pois dependendo de suas palavras, elas podem lhe causar uma grande dor de cabeça. Além disso existe legislação específica que pune aqueles que fazem mal uso da comunicação virtual e alguns usos indevidos podem infringir outras leis.

Fotografias pessoais devem ser friamente analisadas quanto à sua qualidade e propósito antes de serem postadas,
principalmente quando envolvem outras pessoas. Será que a outra pessoa gostaria de ter sua foto publicada? Pense nisso. Fotos impróprias e comprometedoras a princípio nem devem ser tiradas, quanto mais publicadas. E se tirá-las, guarde-as para si. E quando alguém colocar uma fotografia que seja sua, da qual não tem orgulho, remova a tag do seu perfil dessa foto.

O Facebook, orkut e outros são uma ótima forma de convidar amigos e de virtualmente conseguir ter milhares deles. Mas se quer
continuar a ter amigos desta forma, não envie convites para que seus amigos venham a se juntar a si no FarmVille ou nos Mob Wars, isto é spam e amigos não fazem spam. Se fizer uma postagem no mural de outra pessoa, evite que o assunto seja controverso, tenha cuidado com os erros ortográficos e use o bom senso para não construir uma imagem negativa de si.

Amizade tem um significado e, embora as redes sociais tenham a ideia de fazer amigos, a realidade é que pode sempre ignorar
os pedidos de amizade de quem não conhece. Isto não é má educação, é simplesmente a realidade. Da mesma forma, não faça pedidos de amizade a quem não conhece mas responda a todas as mensagens e, se preferir enviar uma mensagem mais pessoal, envie por email.

As regras de boa educação aplicam-se a tudo e em todo momento, faz parte da vida. Seja tão educado no mundo virtual quanto você realmente é no mundo real, principalmente no ambiente profissional. Ninguém precisa ser um especialista em sistemas para saber que segredos nunca devem ser compartilhados por emails, pois as técnicas de proteção difundidas nem sempre garantem privacidade, podendo tornar público o que você enviou ou recebeu.

Assuntos pessoais, dados confidenciais, comentários sobre colegas e tudo o que não deve ser de conhecimento público deve passar longe do seu correio eletrônico. Nunca esqueça de preencher o assunto, seja o mais conciso e objetivo que puder nas mensagens e não mande extensos emails demonstrando assim consideração pelo tempo dos outros.

Não envie correntes da felicidade ou malas diretas via e-mail. Nada é mais chato do que ligar o computador pela manhã e dar de cara com uma oração para uma santa desconhecida, com direito à ameaça de entrar numa maré de azar se quebrar a corrente. Outro email igualmente desagradável são aqueles que pedem doação para salvar alguém totalmente desconhecido dizendo ser uma pessoa com uma rara doença.

Tal qual os telefonemas, é elegante responder as mensagens recebidas e com rapidez mas tenha cuidado com o excesso de informalidade nas suas mensagens. Quando se está tratando de negócios os termos devem os mesmos de uma carta. Na linguagem da Internet, escrever em letra maiúscula, com exceção da primeira letra, é o mesmo que gritar. Jamais escreva um e-mail quando estiver com raiva de alguém; por escrito as coisa têm outro peso.


quarta-feira, 13 de julho de 2011

Comprar ou não comprar, eis a questão...



Os cientistas estão empenhados em saber o que nos leva a gastar, vender ou investir. E para encontrar essa resposta, áreas distintas da ciência estão tentando estruturar um campo de estudo chamado de neuroeconomia. Ela é resultado da união de ferramentas de investigação e conhecimentos da psicologia, da economia e da neurologia. Os pesquisadores descrevem vários mecanismos e desvios característicos da tomada de decisões para explicar as atitudes dos consumidores e suas implicações.

Pegou, levou...
Entre essas descobertas estão as armadilhas do “pegou, comprou” e do chamado efeito manada. A primeira foi descrita como uma ligação emocional a um objeto comum; o cérebro prefere se poupar a ter de enfrentar situações desafiadoras.
Quando recebemos o conselho de um consultor em finanças, o cérebro desativa áreas associadas à decisão racional e abandona a responsabilidade quando confia em uma autoridade. O detalhe é que a orientação de um especialista não levaria a ganhos maiores.

Optar por vender ou comprar de acordo com a mídia, é um erro. É mais importante olhar o movimento do mercado e pesquisar preços para saber se existem ofertas mais significativas que contrariam as falsas publicidades de liquidação.
A constatação de que quase todas as decisões econômicas são tomadas a partir de um permanente embate entre a razão e as emoções não é necessariamente nova. A pressão exercida pelos sentimentos nos instantes que antecedem a opção de comprar o carro novo ou investir, vender o apartamento ou viajar, vem sendo usada em técnicas de venda e na publicidade desde o século passado. O que agora está vindo à luz são detalhes de como esses mecanismos se processam.

Você entra despretenciosamente numa loja e olha uma roupa que gostaria de usar numa festa que ainda nem foi marcada ou pede para ver uma jóia que gostaria de ganhar no seu aniversário. Ou então prova aquele tênis recém-lançado apesar de já ter um tênis novinho em casa. E de repente, você vê um livro de 500 páginas e dá uma olhada, mesmo sabendo que nunca terá tempo para ler esse livro. Se já viveu alguma dessas situações, você se tornou mais uma vítima da mais banal das armadilhas que a mente prega para esvaziar o bolso: é o chamado truque do “pegou, comprou”.

Depois de alguns segundos com o produto na mão, cria-se um vínculo tão grande com o artigo que seu cérebro perde a razão e cede à tentação de comprá-lo. E vai você feliz da vida com a roupa que não usará, com o tênis que não precisa, com o livro que nunca vai ler e com a jóia que pretendia ganhar. Logo em seguida você pensa, não é um problema tão grande, todo mundo age por impulso. E como qualquer consumidor submetido às forças naturais do mercado, você se convence de que repetiu um comportamento padrão: todo mundo age assim. Você acabou de cair em mais um dos truques mentais que vão implodindo suavemente seu orçamento.


Do ponto de vista da racionalidade econômica, comprar porque pegou o produto e se justificar com base no comportamento coletivo, são dois erros que podem custar caro. Mas para o cérebro são também formas de lhe dar algum conforto psicológico. As estruturas cerebrais são acionadas diante da possibilidade de comprar algo. Quando vemos a imagem de um produto, ativa-se área do cérebro associada à antecipação do prazer, o Núcleo Acumbens, e de uma outra região que cumpre a missão de fazer um balanço das perdas e ganhos. Ao mesmo tempo, o cérebro entende que a compra pode resultar em prazer e passa a calcular o custo-benefício da compra.


A insula te protege de pagar mais caro

Quando vemos preços elevados, entra em funcionamento uma região cerebral chamada de Insula vinculada ao medo e à dor. Quando a Insula é acionada, desativa a região que calcula os benefícios e perdas, e decidimos não comprar, isto porque a dor de pagar caro é mais forte e temos mais controle sobre as compras. Isso ajuda a entender porque gastamos mais com o cartão de crédito, porque o cartão disfarça a dor que seria sentida se pagassemos com dinheiro. O cartão facilita a compra, porque não se sente a dor. È por isso que balconistas sugerem o uso do cartão de crédito e ainda oferecem a compra em suaves prestações, porque você não sente pelo que está pagando.

Mas não é só a Insula que nos torna sovina, o medo nos protege de gastar mais do que temos. O medo nos paralisa e algumas pessoas tem aversão às perdas. Esse pavor pode retardar a decisão de abrir mão, de vender ou doar algo, mesmo quando isso deveria ser feito. Ou seja, aquela mesma sensação de posse que nos faz comprar um produto supérfluo apenas porque o temos em mãos, também nos faz reter coisas que deveriam ser passadas adiante. É por isso que muitas pessoas perdem oportunidades de vender algo e deixam passar o melhor momento de venda. Só se doa algo, quando não há o medo da perda.

Indecisão na compra
Existe ainda a indecisão de compra entre dois produtos, que geralmente acaba recaindo sobre uma terceira opção. Se o vendedor oferece duas opções e logo depois, uma terceira alternativa simples e mais barata que as opções anteriores, tendemos a comprar um dos produtos que nos deixaram em dúvida. E por incrível que pareça, ficamos justamente com a opção mais cara e atraente. Ao observar o que ocorria no cérebro de compradores diante de duas alternativas, os cientistas descobriram que eles estavam, na verdade, irritados por causa da dificuldade de decidir.

O que ocorre é uma atividade maior na amígdala, área do cérebro associada a reações negativas. Quando surge a terceira opção, pior do que as anteriores, as primeiras opções parecem ótimas. O processo de decidir se torna agradável e o cérebro usa seus caminhos naturais para escolher. Conhecer esse mecanismo pode ser um recurso ao alcance do consumidor que sente dificuldade de decidir. Ele mesmo pode pedir para ver um terceiro item.

Para escapar da solução de levar o produto mais caro, basta ter a consciência desta armadilha cerebral e procurar ser racional.
Essas revelações científicas dos mecanismos de compras é o que gera hoje uma batalha silenciosa na mente dos consumidores. De um lado, desenvolve-se o chamado neuromarketing, que usa as ideias sobre a tomada de decisões para atiçar as vendas. Isso ajuda aos comerciantes a descobrir meios de melhorar a comunicação com os clientes e ter uma análise das reações do consumidor.

Armadilhas de marketing
Todas as armadilhas de marketing estão baseadas na neurociência, que se relaciona com as armadilhas do pensamento e da tomada de decisão.
Entender esses processos é de fato importante para se proteger de desvios que podem conduzir a desastres financeiros. As decisões de compras não são definitivamente racionais. É preciso entender os mecanismos que nos fazem decidir comprar e evitar as más escolhas. Identificar as armadilhas da nossa mente é o primeiro passo para controlar variáveis que levam a decisões nem sempre vantajosas. Contudo, tão importante quanto decidir a gastar ou poupar, vender ou comprar, é estar ciente de que a sua decisão deve lhe render conforto emocional verdadeiro. Dessa maneira, tanto faz como você vai pagar.

Do ponto de vista meramente financeiro, o correto é guardar o dinheiro, aplicá-lo e adiar ao máximo as despesas. Mas se você perde o sono com a sensação de que precisa pagar por algo que você necessita agora, então não há mal em contrariar os especialistas e pagar pelo que é necessário no momento e que não pode ser adiado. Se o que está em jogo é a sua paz de espírito, lembre-se de que o dinheiro também compra algum conforto emocional. Apenas esteja alerta para conduzir o processo, em vez de ser arrastado por ele...

terça-feira, 12 de julho de 2011

Festa de aniversário infantil



Uma das datas mais esperadas pelas mães depois do nascimento do bebê, é o aniversário da criança. E esse momento especial deve ser alegre, divertido e principalmente bem elaborado, mesmo que não se queira organizar uma grande festa. O primeiro passo é determinar o tema da festa. Depois de escolhido o tema, ele estará presente no convite, na decoração do local, na mesa de doces, no bolo, nas lembrancinhas, no bolo etc.

Temas

Existem variados temas para meninas e meninos. Para as meninas: Jardim encantado e Casinha de Boneca lideram a
preferência, mas você também pode escolher entre Moranguinho Baby, Branca de Neve, Cinderela, Baby Disney, Princesas Disney, Pequena Sereia entre outros. Para os meninos, o tema mais solicitado é sem dúvida O circo, por ser alegre, colorido e segundo alguns superticiosos dá sorte para a criança. Existem ainda vários como: Batman, Homem Aranha, Hot Wheels, Cars (Carros), Barney, Ursinho Pooh, Chaves, Cocoricó, Fazendinha, Pica-pau ou outro de sua preferência.

Espaço
e número de convidados
O espaço disponível para a festa e o seu orçamento é que determinam o número de convidados. Fazer uma festa em casa é mais econômico, mas confrontar-se com inúmeras crianças em pouco espaço, é mais sensato alugar um espaço maior ou reduzir o número de convidados. Para o aniversário infantil podem ser convidadas apenas as crianças, que são deixadas pelos pais no local da festa. No entanto, apesar de monitores e recreadores, é uma responsabilidade assumida quanto à integridade das crianças. Se não houver a segurança necessária, é mais recomendável que estejam acompanhadas dos pais ou de um responsável determinado por eles.

Convite

O convite pode ser personalizado ou impresso apenas com o tema da festa. Os convites personalizados com a foto da
criança devem ser feitos com muita antecedência, pois é um serviço gráfico demorado. Pode também acrescentar outros detalhes, como por exemplo a temática do aniversário e atividades que estarão incluídas. Os convites impressos, apenas com o tema da festa, podem ser adquiridos a um preço mais razoável. Porém é importante que todos os convites sejam enviados com pelo menos 2 semanas de antecedência, com envelope.

O convite deve conter a data (dia/mês/ano),
horário de início e do fim da festa, além do endereço detalhado do local da festa. É importante solicitar confirmação de presença para que possa prever a quantidade de comida e bebida, por isso acrescente um número de telefone para confirmação e data limite para resposta.

Decoração
A decoração da festa pode ser alugada com um Kit decorativo que contém além do painél com o tema da festa, todos os
outros elementos para decorar a mesa de bolo, mesa de guloseimas, mesa dos convidados e salão. Um dos cuidados nas festas infantis é lembrar-se que as crianças são capazes de proezas inimagináveis. Por isso, todos os elementos da festa devem estar dispostos de modo a evitar acidentes. Para isso, é recomendado evitar fios elétricos expostos, paineis soltos e materiais cortantes etc.

Área de recreação
A área de recreação é essencial. Se houver espaço para brinquedos infantis, eles devem ter um monitor ou recreador
para organizar e cuidar das crianças. Se houver espaço apenas para brincadeiras, recreadores vestidos de palhaços e outros estilos podem criar brincadeiras divertidas, como mágicos, malabaristas, contadores de estórias, tatuagens provisórias, pinturas, músicas infantis etc. Alterne entre atividades mais energéticas e outras mais calmas, e tenha sempre um plano alternativo caso algo falhar ou não funcionar. Crianças gostam de festas para brincar.

As festas infantis podem ser incrementadas com arco de balões, retrospectiva em telão, enfeites para as mesas dos
convidados e outros. A criança aniversariante pode ter uma roupa ou uma fantasia com o tema da festa. As crianças convidadas também podem vestir fantasias que condizem com o tema. As fotos e filmagem devem ser preferencialmente feitas por um profissional qualificado, pois uma festa de aniversário é única. Os momentos a serem registrados devem ser previamente combinados.

Mesa do bolo

A mesa do bolo deve ter a decoração com os elementos da festa que pode estar presente apenas na toalha assim como em outros elementos sobre a mesa. O bolo decorado é o elemento mais importante da festa. Ao encomendar o bolo é necessário que se faça uma degustação para se certificar da qualidade do produto bem como do sabor escolhido. Nem sempre a apresentação de um álbum com bonitas fotos garantem um bolo bem feito e saudável. A vela do bolo com números são as mais tradicionais mas existem velas musicais e em outros formatos, como em 3D.

Os docinhos da festa podem decorar a mesa ou serem servidos à parte. A mesa de guloseimas tem sido um destaque, com diferentes tipos: balas, chocolates, pirulitos etc. Ela pode ser montada em uma mesa separada de modo que as crianças possam se servir desde o início da festa. E para que o clima da festa se torne alegre e convidativo, receba as crianças distribuindo máscaras de personagens, chapeuzinho de cartolina com o tema da festa e outros. Copos, pratos e talheres devem ser adequados para crianças, preferencialmente descartáveis.

Cardápio

O cardápio para uma festa infantil deve incluir alimentos apropriados às crianças, evitando alimentos muito gordurosos, frituras ou condimentos fortes. O ideal para as crianças são mini-pizza, pipoca, picolé, cachorro-quente, crepes, salgadinhos assados, docinhos, algodão doce, brigadeiro de copinho, suco de frutas, refrigerante e água mineral. Para os adultos é opcional a bebida alcoólica.

Lembrancinhas

As lembrancinhas com os tradicionais saquinhos de doces e guloseimas podem incluir foto da criança aniversariante.
Podem ser simples pacotinhos, caixinhas de MDF, caixinhas de EVA, saquinhos de celofane etc. As crianças gostam de receber um presente de despedida, que pode ser um livro para colorir, um brinquedo de pelúcia, um chocolate, um balão, um chapéu ou um apito. Na hora do adeus, com tanta brincadeira e festa, é certo que a criança aniversariante vai contar nos dedos, quanto falta para o aniversário do próximo ano que virá!



Related Posts with Thumbnails

Seguidores

Postagens populares